Blog

O poder das palavras-chave: como usá-las do jeito certo?

O poder das palavras-chave: como usá-las do jeito certo?

Antes de começarmos, uma pergunta: como foi que você chegou até este blog post? Certamente estava pesquisando assuntos relacionados ao marketing de conteúdo ou encontrou fazendo buscas no Google, certo? As palavras-chave servem para isso, ajudar o público a encontrar conteúdo de seus interesses na internet. Quem possui um canal na web precisa conhecer essa ferramenta e saber usá-la de forma correta.

Foi por isso que nós, da Vanguarda Comunicação, preparamos esta matéria. Aqui, você vai conhecer mais sobre o assunto para poder dar uma rankeada nas suas publicações. Vamos lá?

A importância das palavras-chave

São elas que fazem diferença para o seu negócio. Por meio dessa ferramenta, o seu conteúdo pode ser encontrado, lido, compartilhado e curtido ou simplesmente não ser acessado. E para isso, é importante que você dedique tempo pesquisando as melhores palavras-chave para inserir no seu conteúdo. Mas como fazer isso? É o que você vai saber no próximo tópico.

Ferramentas úteis para escolher palavras

Como os robôs do Google estão cada vez mais inteligentes, ao fazer uma pesquisa no buscador, os resultados são filtrados para oferecer os conteúdos que melhor se adequam à sua pesquisa. E para isso são usados vários critérios, entre eles as palavras que você usou. Mas de outro lado, ou seja, quem disponibiliza os conteúdos na web precisa saber escolher as palavras-chave.

Ferramentas práticas

  • Google Keyword Planner: é o planejador de palavras-chave do próprio Google, ideal para fazer campanhas otimizadas. A ferramenta oferece o volume de pesquisa de uma palavra e fornece sugestões de palavras relacionadas.
  • Google Trend: é gratuita e disponibiliza informações importantes sobre as palavras, ranking de pesquisa, período de tempo e pesquisas relacionadas. Podem ser filtradas de acordo com a localização desejada.
  • UberSuggest: instrumento gratuito para conseguir sugestões de palavras-chave. Basta inserir um termo, selecionar o idioma e a área de pesquisa (web, imagens, notícias, shopping, vídeo etc).
  • Semrush: a ferramenta não disponibiliza dados precisos de navegação, tráfego e palavras-chave do blog. Mas oferece tendências e dicas de caminhos a serem seguidos para o sucesso do conteúdo. A versão gratuita dá uma visão geral e a paga é ideal para um planejamento mais completo.

Dica importante: as palavras-chave podem ser Head Tail ou Long Tail. A primeira, de apenas um termo ou dois, é mais genérica e possuem maior número de pesquisa. Mas podem ser “desmembradas” para termos mais específicos, chamadas de Long Tail. Ex de head: marketing, blog. Ex de long: conteúdo para blog, marketing de conteúdo. Os termos podem direcionar para algo específico.


Não deixe de conferir também:

Produção de conteúdo: como fazer o seu blog bombar na web?

Marketing de conteúdo: saiba quais profissionais contratar


Como usá-las no seu conteúdo

Feitas as pesquisas, escolhidas as palavras-chave, é hora de saber como disponibilizá-las na hora de escrever o texto. Afinal, usá-las aleatoriamente no conteúdo não ajudará em nada para ele ser encontrado organicamente. Veja abaixo onde inseri-las.

  • Meta Descriptions: é aquele pequeno resumo abaixo do título, ainda na página de busca. A palavra-chave precisa ser inserida neste campo.
  • Url: fundamental para otimizar o conteúdo no endereço da página, ele deve ser simples e autoexplicativo. O ideal é criar uma Url amigável e, claro, com a palavra escolhida.
  • SEO title: este é o título exibido quando o conteúdo aparecer na página de pesquisa. Neste ponto também é indicado que o termo escolhida esteja presente.
  • Title tag: é o título interno do seu texto. A regra é que a palavra-chave esteja sempre presente e assim garantir que o leitor permaneça no seu conteúdo.

Faça um texto interessante

Na hora da redação, é fundamental que o conteúdo seja relevante e contenha uma linguagem que cativo o seu público. Criar bons textos fazem com que o leitor permaneça por mais tempo no seu blog. Outra dica importante é usar o termo escolhido pelo menos 3 vezes ao longo do texto, mas de forma natural.
Este conteúdo foi útil para você? Agora que você já entendeu mais sobre o uso da palavras-chave, que tal começar a usar as nossas dicas? Ah, não deixe de conferir também outros assuntos que podem fazer a diferença no seu negócio. Leia SEO: como utilizar esta estratégia a favor da sua empresa?

Escreva um comentário

WhatsApp chat